Sempre que um novo ano vem chegando, refletimos sobre o que poderíamos ter feito no ano que passou.  Fazemos um balanço de tudo. Mas também pensamos no futuro, no ano que virá e, geralmente, começamos a fazer planos mirabolantes que geralmente acabam frustrados.

Fugindo dos clichês como:  iniciar uma nova dieta, colocar nossas contas em dia para terminar o ano sem dívidas,  mudar nosso modo de ser, arrumar um novo amor,  etc., etc.,  podemos pensar em pequenas coisas que são importantes no nosso dia a dia e que nem sempre damos a devida importância para melhorar nossa qualidade de vida.

Tomar pequenas atitudes como mudar nosso modo de ver a vida poderá trazer gratas surpresas e ser mais fácil do que imaginamos.

Começar a se exercitar nem se for pra ir até a esquina pode ser um bom começo para caminhar todos os dias e melhorar nossa condição física.

Cuidar do meio ambiente fazendo separação de lixo em nossa casa, nosso prédio, nosso trabalho reflete a preocupação com o planeta onde vivemos.

Extrapolar nossas próprias limitações, fazer um curso que nunca imaginamos fazer, trabalhar em coisas que nós não temos a ambição de nos tornarmos um “expert” e ainda poder rir de nós mesmo!

Guardar um tempo sagrado pra nós mesmos apesar da vida atribulada que sempre levamos.

Fugir da rotina. Tentar nos divertir fazendo algo diferente, ir a um lugar que nunca foi e sempre quisemos conhecer.

Participar de um movimento político / social para nos manifestar e defender aquilo que acreditamos. Tudo vale a pena quando a causa não é pequena.

Fazer um trabalho voluntário. Não precisamos mudar o mundo mas podemos começar a ajudar pessoas em nosso próprio bairro.

Pensar antes de sair por aí consumindo tudo o que encontramos pela frente. Dinheiro e analise É importante economizar e analisar se realmente precisamos gastar.

-Quebrar a rotina, surpreender quem a gente gosta. Fazer uma gentileza, um jantar, ligar durante o dia pra perguntar se está bem, combinar um final de semana para um passeio inusitado!

Renovar nossa casa mudando sua decoração simplesmente trocando os móveis de lugar, tire os excessos, dar aquilo que não usamos mais, circular energia!